Toda criança tem o direito à informação, diz pedagoga

Share to Facebook Share to Twitter Share to Email

Com a convicção de que proibir não é o caminho para nada, a pedagoga recém-formada Rosemeire de Sousa Arraes garante que toda a criança tem direito a se informar. Segundo ela, a publicidade infantil é um dos caminhos para ela receber informação sobre o que deseja, aos novos lançamento e sobre o que ela vai encontrar ao seu redor. Ela também diz que cabe aos pais orientar os filhos sobre o que serve e o que não serve e também quando é possível comprar determinado produto ou não.

Veja o depoimento da pedagoga e o que o ministro da Sáude, Alexandre Padilha, diz sobre o apoio da publicidade às campanha de orientação.

Eu sou Rosemeire de Souza Arraes, minha profissão é funcionária pública, trabalho no Hospital CRT - DST/AIDS, aqui na rua Santa Cruz e acabei de me formar agora no meio do ano de 2011 em pedagogia. E a pergunta que me foi colocada, a resposta é: eu não acredito que o melhor seja proibir, eu acho que toda criança tem direito à informação, tudo o que está sendo lançado ela tem que estar sabendo, o que está acontecendo ao seu redor e cabe aos pais orientar, dizer pra que que serve, pra que não serve, quando ele pode comprar esse produto, quando não pode comprar. Eu não acho que proibir seja o caminho pra nada.”

Share to Facebook Share to Twitter Share to Email

Nenhum Comentário

Você deve efetuar o login para deixar um comentário.