Cartilha ensina orientar crianças para convívio seguro com mídias eletrônicas

Share to Facebook Share to Twitter Share to Email

Um passo mais avançado na discussão sobre proibir a publicidade infantil para se proteger as crianças é a iniciativa de ensiná-las a conviver com segurança e diversão com as novas mídias e toda a avalanche de informações que chegam até elas. Quem deu esse passo foi a operadora de canal de TV Net com seu projeto Internet Segura para Crianças. São três cartilhas elaboradas pelo educador e consultor Marcelo Cunha Bueno, destinada para os três principais públicos dessa discussão: as crianças, os pais e os educadores. Bueno é dono da escola Estilo de Aprender, em São Paulo, e colunista da revista Crescer, Editora Abril.

As cartilhas estão disponíveis para download  e têm três linguagens bem distintas. A voltada para crianças mostra que é preciso se divertir na internet, sem deixar de lado alguns cuidados. O conteúdo vem com alertas em forma de brincadeiras infantis e jogos. Na versão para professores, a cartilha mostra, entre outras dicas, como é necessário pesquisar o tema antes de pedir que os alunos o façam para evitar armadilhas de conteúdo impróprio. O objetivo é mostrar como a internet pode ser uma fonte segura para se usar em sala de aula. Já o conteúdo voltado para os pais mostra como é necessário cair na rede junto com os filhos e transformar a navegação segura em um ponto de encontro e diálogo entre as gerações.

Quem quiser conhecer mais sobre as cartilhas ou baixá-las, acesse www.netparacriancas.com.br .

Veja também o que diz o psiquiatra Içami Tiba sobre como pais devem lidar com a publicidade infantil.

Share to Facebook Share to Twitter Share to Email

Nenhum Comentário

Você deve efetuar o login para deixar um comentário.